12 de fev de 2012

Interpretação - Idioteque

Interpretação que fiz da música Idioteque do Radiohead para o fórum do Radiohead Brasil, confira a letra aqui e a música aqui.

Tentei linkar o título da música com a música em si e criei uma interpretação. Não sei viajei muito, porém creio eu que essa seja a graça das interpretações, uma vez que não teremos certeza a não ser que saibamos dos próprios compositores, temos essa leveza de interpretar... Vamos lá.

Women and children first
And children first
And children...
I'll laugh until my head comes off

Nessa parte aqui, eu interpretei como um plano sequência, o fato de que criou-se uma hierarquia de importância de seres vivos em circunstâncias catastróficas é tão ridícula que ele ria desses "idiotas" que criaram ou obedeceram a essa regra. Se formos parar pra pensar essa regra estabelecida não tem sentido uma vez que a maioria de nós busca uma sociedade universal igualitária, sem distinções de sexo ou idade, quando se trata de salvar vidas, somos todos humanos, com histórias, família e vidas que deixaríamos para trás caso morrêssemos.

E em geral, eu creio que a música não fala de uma catástrofe ou algum acontecimento em específico, acho que seja uma coisa mais a longo prazo, como se a humanidade estivesse destruindo a humanidade em uma metalinguagem da destruição, apocalíptica.

We're not scaremongering
This is really happening, happening
We're not scaremongering
This is really happening, happening

Não estamos "scaremongering" ou alarmistas porque é uma coisa que não acontece de imediato, então a humanidade não é alarmista por não ser coisa do aqui e agora.
"This is really happening" apesar de ignorarmos, está acontecendo, em uma velocidade imperceptível, porém está acontecendo. Ficariamos alarmistas e saberíamos que está mesmo acontecendo se acontecesse terremotos simultâneos no mundo inteiro, por exemplo.

E quando diz:

Mobiles working
Mobiles chirping
Take the money and run
Take the money and run
Take the money...

Pega o dinheiro e corre, vá viver sua vida, gaste, aproveite enquanto pode, goze do melhor que a vida te oferece. Como se fosse um "viva cada dia como se fosse o último" clichê, porém representa essa ideia da urgência de se viver.

Nenhum comentário:

Postar um comentário