16 de abr de 2012

Sem café

A única certeza que eu tinha dia após dia era que café a me esperar estava: preto, forte, sem açúcar.
             O dia que a garrafa secar, será um dia triste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário